News

Os pneus Continental passam pela tecnologia System

08 January 2015

As últimas confirmações da preferência que Continental tem pela tecnologia System chegam da Romênia e Estados Unidos da América. A logística interna das fábricas que produzem os famosos pneus é, na verdade, cada vez mais gerenciada por tecnologia italiana. República Checa, Eslováquia, Romênia e Estados Unidos da América: são quatro as fábricas onde os veículos guiados automaticamente (AGV) da System de Fiorano Modenese coordenam a movimentação das bobinas de banda de rodagem e dos paletes de pneus acabados. A extração é feita das linhas de produção e o depósito em outras áreas de armazenamento ou estacionamento, tudo em modo completamente automático garantindo a absoluta rastreabilidade dos fluxos.

Na Romênia, em Timisoara, a Continental tem um “armazém compactável” interfaceado com veículos AGV de grande inovação técnica, projetado pela System. A movimentação de aproximadamente 600 bobinas de banda de rodagem é guiada por um software que permite gerenciar os corredores entre as várias prateleiras, tornando-os disponíveis somente em caso de necessidade e garantindo, assim, o acesso para os veículos automáticos. Os dois AGV contrabalançados realizam a extração/depósito das bobinas com as quais será realizada a parte da banda de rodagem dos pneus, funcionando como intermediários entre o departamento de produção e o "armazém compactável" e, finalmente, em direção às linhas de corte.

A fábrica Continental AG de Mt. Vernon, em Illinois, tem um sistema de movimentação interna constituído por nove AGV “contrabalançados”. Nesse caso, a missão das máquinas é extrair os pneus do fim de linha e depositá-los no armazém de estoque dos produtos acabados. À medida que os operadores esvaziam manualmente os paletes, os veículos inteligentes AVG têm a função de recolocar os paletes vazios no início do processo (área de produção) onde serão reinseridos nas várias linhas e enchidos novamente.

A "frota" de veículos System move-se em uma área ampla, sem parar e cruzando-se continuamente com o tráfego das empilhadeiras guiadas pelos operadores. Quem gerencia a circulação é o sistema inteligente (Supervisor+WMS) fornecido pela System: esse SW permite a navegação dos AGV controlando o seu tráfego e otimiza os tempos de movimentação a favor da produtividade. Mantém também a rastreabilidade do produto através das várias movimentações. Além disso, o sistema AGV adquirido em Illinois tem um sistema de troca automática de bateria e, por isso, não precisa da intervenção do operador para efetuar esta operação.